Arquivos mensais: dezembro 2012

Eu queria ser: histórias de Clarice e Olavo

Eu queria ser Nelson Rodrigues:   "Olavo, dizes que me ama e dizes agora, Olavo. Não aguento mais esse seu jeito ausente." Olavo não pensa duas vezes e esbofeteia a face esquerda de Clarice com vigor. Um tapa seco, mudo. Sai em direção à cozinha para tomar seu café amargo de sempre. Pela primeira vez,

Share

Então é natal

É tempo de ouvir Simone nos deleitando com sua singela e assassina adaptação da canção Happy Xmas (War Is Over) – já nem tão boa assim – de John Lennon. É tempo de assistir comerciais em serie das Casa Bahia – e de outros tantos famigerados varejistas. E de passar e repassar uma bendita lista

Share

Solidão

Solidão. Faz tanto tempo. Sentia-me tão. Sentia-me mais. Hoje só. Só o hoje me resta. Ergo o dedo esperando que alguém me leve. Minha leveza de outrora virou quimera. Quem dera ser. Ser o que dá é o agora. Passam as horas. Acorrentado ao passado, ignoro o futuro. Acorrentado ao passado, ignoro o presente. Acorrentado

Share