Arquivos por Etiquetas: Fuga

Selva

Selva. Hostil. Gravidade de poder ímpar. Parece inexequível encontrar a saída. Conexão constante de sentimentos nunca análogos. Não há nexo, mas aqui assento-me. Presidiário voluntário. Bêbado entregue ao torpor da megalópole dominante. Todas as fichas. Ela vence. Sempre. Talvez. A cidade não para. A cidade só cresce. Grito vociferado por Chico poeta. Chico cientista. Todos

Share

Sol

As histórias que eu quis esquecer… de um passado tão presente… Nunca me abandonam, cada escolha é tão real… Aquele filme sempre passa, mesmo tão incolor… E a cada dia eu sinto de novo… a mesma sensação de dor…   E não adianta fugir… (nada vai parar no lugar) E não adianta fingir… (o espelho

Share

Meu medo. Minha fuga. Meu renascimento.

Não quero mais. Nem isso, nem aquilo. Quero me encontrar somente. Ser meu estilo. Tranquilo. Ter-me como o máximo. Sem falsa modéstia. Sem a sociedade como moléstia. Não à inércia. Respirar como que se toda a atmosfera me pertencesse. Sem quimera. Quem dera. Quero a solidão do lobo que uiva rouco. Sim, posso ser tratado

Share