Arquivos por Etiquetas: Medo

Quando eu deixei de ser eu?

Aldo tem uma nova identidade. Não é a primeira vez. Aldo é um mutante. A razão é incerta. Na verdade, não existe uma só razão ou uma razão só para nenhuma de suas mudanças. Aldo abandonou seu nome. Clodoaldo no dia do nascimento. Aldo agora. Ele não sabe quando isso mudou. Não foi de caso

Share

Meu medo. Minha fuga. Meu renascimento.

Não quero mais. Nem isso, nem aquilo. Quero me encontrar somente. Ser meu estilo. Tranquilo. Ter-me como o máximo. Sem falsa modéstia. Sem a sociedade como moléstia. Não à inércia. Respirar como que se toda a atmosfera me pertencesse. Sem quimera. Quem dera. Quero a solidão do lobo que uiva rouco. Sim, posso ser tratado

Share