Arquivos por Etiquetas: Tempo

Quando eu deixei de ser eu?

Aldo tem uma nova identidade. Não é a primeira vez. Aldo é um mutante. A razão é incerta. Na verdade, não existe uma só razão ou uma razão só para nenhuma de suas mudanças. Aldo abandonou seu nome. Clodoaldo no dia do nascimento. Aldo agora. Ele não sabe quando isso mudou. Não foi de caso

Share

A arte de perder o amor

Não devia ser baseada em ódio a hora de partir. Puramente pela mais absoluta falta de amor. Não é o que há. Não é o que se faz. Quantos amores ficaram para trás e hoje ambos – sem nunca terem tido a chance de dizer isso um ou outro – lamentam o fim daquela relação.

Share

Feliz Aniversário – a morte nossa de cada dia nos dai hoje

Morre-se aos poucos. Por que haveria pressa, se não há um prazo oficial? Mas a certeza da morte deveria estar presente em cada acordar, em cada adormecer, em cada aniversariar. A cada dedicatória de parabéns, morre-se um pouco mais. Não pelo gesto em si, mas pelo tempo que ele consome e pelo que significa: ter

Share

Não vi você

Eu não vi você chegar, eu não percebi… Eu não vi você entrar, desse jeito, assim… Eu não vi você gostar de me possuir… Eu não vi você criar, o seu mundo em mim…   Cada ponto de ti tornou-se eu… Seu sentir tornou-se o meu… Se era amor não descobri… O tempo voou e

Share